Av. Geraldo Romano, 135 - Centro, Nanuque - MG ouvidoria@nanuque.mg.gov.br (33) 3621-4882

Recursos para o ‘Arraiá Municipá’ vem de verba específica e de patrocínios de empresas

Publicado: 12/06/2018

Categoria:

Arraiá Municipá acontecerá com recursos oriundos de verbas específicas e patrocínios de empresas estatais e de empresas privadas, conforme afirmou o prefeito nessa manhã. Segundo o gestor, o projeto do evento ficou em pouco mais de R$150 mil e foi enviado aos parceiros que avaliaram, e a maioria já confirmando suas participações. “Os recursos para a realização do nosso Arraiá Municipá, são oriundos de verba específica como o ICMS Cultural, que é um recurso que não se pode gastar em nenhum outro setor que não seja para o desenvolvimento de eventos na área da cultura, assim sendo, nós fomos à diretoria das estatais Cemig, Copasa e da Codemig, e as empresas privadas como o Grupo Aliança e a marca Devassa. Jamais iríamos comprometer a nossa população nesse momento de parcos recursos pelo qual passa o nosso município, mas mesmo com todas as dificuldades, esperamos ter um dos melhores eventos juninos dos últimos tempos, e esperamos toda a população para prestigiarem a nossa festa”, salientou o prefeito.

Comentar

Vem aí o 24º “Ninguém te ama como eu”, participe você também

Publicado: 10/04/2018

Categoria:

Nos dias 14 e 15 de abril, estará acontecendo em Nanuque o 24º Ninguém te ama como eu, uma programação da Igreja Católica que reúne milhares de pessoas de várias localidades. O evento ocorrerá na Feira Coberta.
Segundo informações do vereador Gilson Coleta, um dos organizadores do evento, para esse ano a programação envolve duas importantes atrações musicais, sendo; Banda Canção do Espírito que estará fazendo a abertura do evento e a Banda Dominus.
No domingo, 15, haverá palestras com Alessandra Santos, Missão HMDP e Wendel Barros, coordenador diocesano RCC.
O evento surgiu do movimento carismático e, aos poucos, foi envolvendo todos os grupos atuantes na Igreja, como Terço das Mulheres, Terço dos Homens, Mulheres Pentecostes, dentre outros.
Para sua 24ª edição do Ninguém te ama como eu, são esperadas caravanas de várias cidades, como Água Formosas, Teófilo Otoni, Pavão, Carlos Chagas, Serra dos Aimorés e outras da região Vale do Mucuri. Também são aguardados muitos cristãos das cidades da região Extremo Sul da Bahia e do Norte do Espírito Santo, vez que Nanuque está na divisa dos dois estados.
Empresários da cidade, veículos de comunicação locais, Câmara de Vereadores e Prefeitura Municipal, são apoiadores do evento católico.

A Igreja Católica e todos os envolvidos na organização do evento esperam você de braços abertos.

Comentar

Nanuque vai ter cinema na praça de graça para você

Publicado: 21/02/2018

No próximo final de semana, nos dias 23, 24 e 25 desse mês, a cidade de Nanuque será contemplada com o Projeto ‘CINEMA É PRA VOCÊ, SIM’. O projeto sociocultural do Ministério da Cultura, é financiado pela Caixa Seguradora que já está na sua terceira edição. Nessa nova etapa do projeto que tem o objetivo de levar o cinema, cultura, arte e alegria para famílias residentes em cidades interioranas, Nanuque foi contemplada, graças ao empenho da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Cultura, Lazer e Turismo.

Essa é mais uma conquista do atual Governo do Município que vem dando uma nova dinâmica no setor cultural da cidade, que, além de estar resgatando o que o município tem de melhor, não perde tempo em absorver para a cidade o que está acontecendo em outras partes do País.

O projeto consiste em uma carreta que se transforma em uma grande sala de cinema, com oitenta lugares. Ela permanece por três dias em cada cidade e atende prioritariamente a um público específico pertencente à rede de ensino municipal e a usuários dos programas sociais, como Crás, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, dentre outros.

A cada dia são apresentadas cinco sessões, com duas horas de duração cada, iniciando às 8h e finalizando às 19h. No primeiro dia, sexta, será disponibilizada à Secretaria Municipal de Educação, que já criou o cronograma informando quais as escolas irão participar. No sábado, segundo dia, as duas primeiras sessões estarão abertas ao público, já as três sessões da tarde ficarão a disposição da Secretaria Municipal de Assistência Social, que também já tem seu cronograma, conforme demonstrativo.

No domingo, último dia da programação, todas as cinco sessões estarão disponíveis ao público em geral, são ao todo 400 pessoas que poderão assistir aos filmes nas cinco sessões, assim sendo, 560 pessoas fora dos grupos prioritários poderão assistir aos filmes.

Participe! Venha embarcar nesta aventura e bom filme!

Atenção ao Cronograma de visitação:

 

1º dia

Secretaria de Educação:

Sessão   8h: Escola Municipal Vindilino e Escola Zuleide Macvieira – 8º alunos

Sessão 10h: Caic e APAE – 80 alunos

Sessão 14h: Caic e APAE – 8º alunos

Sessão 16h: Americo Machado

Sessão 19h: Américo Machado

 

2º dia

 

Sessão   8h: Aberto ao público – 80 Vagas por Sessão.

Sessão 10h: Aberto ao público – 80 Vagas por Sessão.

 

Assistência Social,:

Sessão 14h: CEAN, V. Esperança, CRAS central e Creas

Sessão 16h: Convivência idosos, CRAS UDR, Lar dos Idosos e CASI

Sessão 19h: CEAN, CASI, CRAS central, Amor e Luz, e Creas

 

3º dia

 

Sessão   8h: 80 Vagas por Sessão.

Sessão 10h: 80 Vagas por Sessão.

Sessão 14h: 80 Vagas por Sessão.

Sessão 16h: 80 Vagas por Sessão.

Sessão 19h: 80 Vagas por Sessão

 

Divisão de Comunicação Institucional

Gestão Somos Todos Por Nanuque

 

Comentar

O tão aguardado Carnaval de Marchinhas de Nanuque superou todas as expectativas

Publicado: 09/02/2018

O tão aguardado Carnaval de Marchinhas, organizado para acontecer no dia 03, mas que foi interrompido devido a chuva torrencial que caiu no fim da tarde daquela data, aconteceu nessa quinta, 08. O Calçadão ficou lotado. Gente de todas as idades e tamanhos abrilhantaram e garantiram o sucesso almejado pelos organizadores. O Céu estava ‘enfarruscado’, parecia que as nuvens escuras a qualquer momento iam desabar em água. Olhares voltados para o céu…será que vai chover? Era a pergunta que não queria se calar e que quase ninguém se arriscava a responder; alguns mais otimistas até arriscaram a afirmar que a chuva só cairia depois da festa; e esses acertaram.

Foi tudo muito belo, dentro das expectativas ou até mais um pouco. Os blocos se apresentaram de forma organizada, um após outro, todos levantando aplausos da platéia que se aglomeraram nas proximidades do palco. Bloco da melhor idade, das mulheres da AABB, das super mães, bloco do UDR, o bloco ‘dos dotô’ e outros. Muita alegria, num clima de pura harmonia e solidariedade. Houve até premiação aos blocos e até para a fantasia mais original.

A satisfação estava estampada nos rostos dos organizadores, com a expressão de quem se sentem com o dever cumprido. À frente dessa equipe destemida está a diretora da Divisão de Cultura, Girlane Amaral. Girlane não se continha de contentamento; ela e toda a sua equipe trabalharam duro na ornamentação do calçadão e outras ações, mas contaram também com a força e apoio incondicional do pessoal da Secretaria Social, da Secretaria de Obras e tantos outros colaboradores; servidores e não servidores do município.

Ma essa mesma alegria estava também expressa nas pessoas que ali se fizeram presentes. A criançada não se cotinha e pulavam o tempo todo. O cordão ‘do dotô’ contagiou a todos e várias pessoas, mesmo sem fantasias, não conseguiram ficar de fora e entraram na roda. Os tititis pelo meio da multidão davam o tom da satisfação coletiva: “que maravilha”! “muito bom”! “tá vendo, como é possível fazer muito com tão pouco”? “esse é o verdadeiro resgate da nossa cultura”! E foi assim, com frases como essas, ficou mais que demonstrado o apoio do povo à iniciativa do governo municipal.

Após a apresentação dos blocos, João do Samba e sua turma tomou conta do palco e levaram todos a fazerem uma ‘viagem’ ao passado, tocando e cantando sambas e marchas de carnavais que marcaram épocas. O povo acompanhou o ritmo, dançou e aplaudiu. O Calçadão da Caxambu de repente ficou pequeno para o número de pessoas que disputavam lugar. A Prefeitura Municipal conseguiu mostrar que, mesmo em momentos de crise, se é possível levar alegria sem sair do rumo, como bem afirmou o prefeito da cidade.

“Nós estamos trazendo de volta aquilo que tiraram de nós. Tiraram os nossos valores culturais, tiraram de nós pequenas coisas como o simples direito de brincar; de se divertir de maneira segura, fraterna, amigável e solidária. Tiraram de nós a alegria de reunirmos as famílias num momento sublime como as festas carnavalescas e outras tantas que já tivemos em nossa cidade. Mas nós vamos resgatar tudo aquilo que perdemos ao longo do tempo. Já chega de tempos sombrios quando se governavam para poucos, enquanto a maioria via seus valores escorrendo pela sarjeta. Eu não me canso de perguntar quais os motivos de não proporcionar uma singela e tão grande festa como essa que promovemos hoje, sem gastos exorbitantes, gastos esses que não interferiram na qualidade da saúde, da educação, da infraestrutura, enfim; em nada. O que mais se gastou foi a boa vontade dos organizadores e parceiros da prefeitura, que fizeram a alegria de tantas pessoas; gente de todas as idades, que abrilhantaram a nossa festa. Pessoas a quem eu expresso os meus mais sinceros agradecimentos por terem contribuído para o sucesso do nosso evento”, desabafou o prefeito de Nanuque, ainda no meio do povo, depois do desfile dos blocos, prometendo que novos resgates virão por aí.

Fotos: Ramon Dias Fotografia – Ewaldo Santos

 

Comentar

Prefeitura de Nanuque já tem a festa junina em pauta

Publicado: 08/02/2018

 

Nem bem se realizou o carnaval, quando a Prefeitura de Nanuque tenta resgatar seus valores e sua cultura, promovendo o tradicional carnaval de marchinhas, a Secretaria de Cultura do município já recebeu o aval do prefeito, e os festejos juninos já entraram em pauta. Nessa quarta, 07, o prefeito Roberto de Jesus recebeu em seu gabinete, juntamente com a diretora de cultura, Girlane Amaral, algumas lideranças do campo do entretenimento da cidade, mais voltados para a dança em várias modalidades.

A pauta do encontro teve como ponto forte as festas juninas, ou simplesmente, a festa de São João. O prefeito demonstrou o desejo de estar resgatando, assim como o carnaval de marchinhas, as tradicionais festas do mês de junho. Muitas opiniões, sugestões e, acima de tudo boa vontade. A Prefeitura expôs suas condições e o que poderá ser feito para a realização das comemorações.

Foi apenas uma primeira conversa; nada ainda definido, porém, bem começado. Dentre as várias sugestões apresentadas, a criação da ‘Vila de São João’ ganhou força entre os presentes. A criação de uma vila, com todas as características de uma comunidade rural; daquelas de antigamente, quando se celebravam as festas do mês de junho, tendo como destaque a festa de são João, poderá ser o foco do mês de junho.

Nessa vila imaginária, haveria as brincadeiras mais comuns daquela época, como o famoso pau de sebo, a corrida de saco, cobra cega e tantos outros que quem já passou dos 40, com certeza se lembra. A realização das quadrilhas, com toda sua originalidade seria o ápice do evento. “Resgate” é a palavra chave em que não se cansa de repetir.

Nanuque vem mostrando seus potenciais em várias áreas, que seja na cultura, no esporte, no turismo, na economia diversa e tantos outros setores. Mas nada disso é visto como uma identidade do município. E, é pensando também nesse aspecto, que o prefeito municipal vem trabalhando para mudar essa realidade. “Resgatar nossos valores, mostrando nossa diversidade cultural, faz parte das nossas metas de governar. Todo povo necessita da sua identidade e, pensando como a maioria, e nesse projeto de desenvolvermos um governo participativo, em que as opiniões são ouvidas a e aproveitadas, é que estamos buscando parcerias para que Nanuque seja vista como uma cidade que tem identidade própria”, afirmou o gestor nanuquense.

Comentar

Retomada Cultural em Nanuque – Folia de Reis  

Publicado: 23/01/2018

 

Dos maiores desafios do Governo Roberto de Jesus, um deles é a retomada nas ações de promoção da Cultura regional.

Como trazer para a população o senso e o desejo de se apoderar de um patrimônio cultural?

Das tradições antigas provém a Folia de Reis, Reisado, ou Festa de Santos Reis, que é uma manifestação cultural religiosa festiva e classificada unicamente no Brasil, marcas do nosso Folclore.

Em Nanuque através de uma singela homenagem a este movimento foi realizado uma peregrinação popular.

De Casa em casa o GRUPO FOLIÕES MATERO cantaram suas prosas, muito bem ritmadas, e fizeram ecoar a alegria no dia de São Sebastião, à saber 20 de Janeiro.

Vale a pena insistir nesta tradição, a cada casa visitada a emoção e a alegria de boas memórias, boas recordações narravam os moradores.

Uma cidade fortalecida é uma cidade que valoriza seu potencial Cultural, que estimula seus moradores à união, e em prol do bem comum.

Perpetuar esta tradição acrescenta riquezas culturais ao nosso município.

Comentar

Nanuque Comemora 69 Anos.

Publicado: 09/01/2018

 

Foi comemorado em ato solene no dia 27 de dezembro 2017 o aniversário da cidade de Nanuque – MG.

A alvorada e o despertar da cidade veio com a Fanfarra Percusity atravessando a cidade convocando seus moradores para as comemorações no coreto municipal.

O Hasteamento das Bandeiras se deu pontualmente as 08:00hrs na presença de autoridades locais.

Representantes da Policia Militar e Civil, Vereadores, Pastores e servidores cantaram o Hino Nacional fazendo menção a construção de nossa história.

O Prefeito Dr. Roberto de Jesus agradeceu a presença de todos destacando o tempo de mudanças e despertar que o município vem evoluindo, sugerindo aos moradores um maior envolvimento nas questões de desenvolvimento econômico, e frisou –  “ A responsabilidade é pessoal, cada um de nós deve cuidar de nossa cidade”.

Comentar

PREFEITURA DE NANUQUE INAUGURA NOVAS INSTALAÇÕES DAS SECRETARIAS DE ESPORTE E CULTURA EM NOITE ENCANTADORA

Publicado: 05/12/2017

Categoria:

Encanto, agradecimento e emoção. Estes foram alguns dos sentimentos expressados pelas pessoas que estiveram presentes na Praça Américo Machado na noite do dia 03 de dezembro, quando foram inauguradas as novas instalações das Secretarias de Esporte e Cultura, com apresentação especial da Caravana “Horizontes Culturais” de passagem por Nanuque.

A Praça Américo Machado, também popularizada como Praça da Gurilândia, recentemente passou por uma revitalização promovida pelo Prefeito Roberto de Jesus, recuperando o seu potencial de lazer desde a muito esquecido e hoje abriga as Secretarias de Esporte e Cultura, tendo sido adredemente preparada  para os festejos de natal, recebendo ornamentação digna de muitos elogios das pessoas que por ali passam, face ao encanto e beleza das luzes, das cores e dos enfeites que retratam umas das épocas mais alegres e festivas do ano.

Para coroar de êxito a inauguração do espaço, agora transformado no principal ponto de atração do Projeto “Cidade Luz”, na mesma noite a cidade de Nanuque foi brindada com uma brilhante apresentação da Caravana “Horizontes Culturais”, que contou tanto com a participação de artistas locais da categoria de Tote, Jader Moreira Rafael, Antônio Louzi e Jerry MacCartney, como também de figuras consagradas no cenário nacional como Saulo Laranjeira e Xangai, além de apresentações dos Grupos de Capoeira Ginga, Iê Camará, as Aboiadeiras do Bueno, dentre outras atrações artístico-culturais.

Foi muito emocionante, uma noite perfeita, digna da família nanuquense. Parabéns aos organizadores, ao Prefeito Roberto de Jesus e à Secretária de Cultura Girlane Amaral pelo presente que nos foi proporcionado”. Disse agradecida uma moradora da cidade presente ao evento.

A Caravana “Horizontes Culturais” é uma ação de circulação artística, de promoção do intercâmbio cultural, interiorização, e de democratização do acesso social à arte-cultura legítima. Em 2017, esta projeção itinerante celebra os 30 anos do programa televisivo “Arrumação”. A sua primeira parada foi justamente na cidade de Nanuque. O povo nanuquense agradecido aplaude de pé, a essa grande manifestação da cultura e arte brasileiras.

Comentar

FESTIVAL GASTRONÔMICO “ARTE E SABOR” MOVIMENTA AS NOITES NANUQUENSES

Publicado: 27/09/2017

Categoria:

Entre os dias 19 e 24 de setembro, as noites nanuquenses foram bastante movimentadas em virtude da realização pelo Circuito das Pedras Preciosas, em parceria com a Prefeitura de Nanuque através da Divisão de Cultura, do Festival Gastronômico “Arte e Sabor”, ao ensejo da chegada da primavera, estação das flores, do colorido e da alegria.

            Considerado o maior Festival Gastronômico já realizado nos Vales Mucuri e Jequitinhonha, o “Arte e Sabor” foi Idealizado com o proposito de valorização e promoção dos sabores de uma das regiões de maior expressão e diversidade cultural do Estado de Minas Gerais e por que não dizer, do Brasil.

            Também participaram ativamente da realização do Projeto, além da Prefeitura de Nanuque e o Circuito das Pedras Preciosas, empreendedores, artistas, o Governo do Estado de Minas Gerais e demais parceiros da comunidade, o qual foi dividido em 3 etapas a saber: a primeira, “Artes do Jequi”, foi realizada da cidade de Capelinha; a segunda etapa em Nanuque com o tema “Sabores do Mucuri” e a terceira etapa realizada na cidade de Teofilo Otoni com as “Preciosidades de Teofilo Otoni”.

            Durante uma semana o evento percorreu bares e restaurantes da cidade que apresentaram o melhor da sua culinária, sempre ao embalo de músicas de qualidade, interpretadas por alguns dos nossos talentos mais expressivos como Mestre Emm e Nill, Banda Projeto X, Jerry McCartney, Zé Wilson, Léo Pinheiro e Felipe Bertoni, a dupla Bruno Ferraz e Eric e a banda Bastardos Band, representando os mais variados estilos e gostos musicais.

            “Estamos extremamente felizes com o sucesso do Festival Gastronômico que movimentou as noites nanuquenses, como também movimentou a economia do nosso Município. Todos os dias do evento foram bem frequantados, com um número expressivo de pessoas que prestigiaram a nossa culinária, os nossos artistas, oportunidade para uma boa conversa e troca de experiências”. Comemorou Girlane Amaral, Chefe de Divisão de Cultura.

            Os estabelecimentos que participaram do evento e seus respectivos pratos foram: Restaurante Lamercan Rondelli 4 Queijos); Achonchegos Pizzaria (Tropeiro Caipira); Sabor de Boteco (Cupim na Brasa), Gaúcho Lanches (Costela no Bafo), Recanto do Robalo (Campeonato de Pesca); Restuarante D’Guste (Torre de Batatas) e a Feira de Artesanatos da Artenac com barracas de comidas típicas.

Comentar

4º ENCONTRO DE FOLIAS E CHAROLAS DE SÃO SEBASTIÃO

Publicado: 20/09/2017

Categoria:

A Prefeitura de Nanuque, através da Divisão de Cultura, participou nos dias 16 e 17 de Setembro do 4º Encontro de Folias e Charolas de São Sebastião na Cidade de Mutum/MG, que tem dentre os principais objetivos manter vivas as tradições locais, criar um ambiente de intercâmbio cultural e impulsionar o resgate de grupos de charola.

Promovida pela Prefeitura de Mutum, com apoio da Secretaria de Estado de Cultura, a festa deste ano teve com caráter especial celebrar o centenário da manifestação cultural na região. Destaque para a Folia de Reis, Reisado, ou Festa de Santos Reis, classificada no Brasil como folclore e praticada pelos adeptos e simpatizantes do catolicismo, no intuito de rememorar a atitude dos Três Reis Magos que partiram em uma jornada a procura do esconderijo do Messias Prometido, de 06 a 20 de janeiro, data em que é comemorado o dia de São Sebastião.

A cidade de Nanuque se fez representar através da Divisão de Cultura que vinha se empenhando em organizar a Folia de Reis “Matero” do distrito de Vila Gabriel Passos. A Folia de Reis na Vila já acontece há mais de cinquenta anos e desde então esse grupo que é composto por moradores músicos, se dedica para que essa tradição não caia no esquecimento.

A Folia, liderada pelo mestre Fidelcino Mendes, o “PUBA”, como é mais conhecido pelos seus companheiros, todo ano segue pela região com reverência aos passos da bandeira, cumprindo rituais tradicionais de inquestionável beleza e riqueza cultural.

“O nosso desejo é que esta festa se torne cada vez mais presente na vida das pessoas. Vivemos uma época de inversão de valores e o resgate da nossa cultura, a preservação do legado que nós herdamos dos nossos pais, dos nossos avós, bisavós, enfim, é uma missão da qual nós não podemos descuidar. Constitui parte do nosso patrimônio histórico e cultural”.  Comentou Fidelcino Mendes, o mestre “Puba”.

As canções que o grupo Matero apresenta nas paradas, são sempre sobre temas religiosos, com exceção daquelas tocadas nas tradicionais paradas para jantares, almoços ou repouso do folião, onde acontecem animadas festas com cantorias e danças típicas regionais. Foi a primeira vez que o grupo se apresentou fora da cidade e isso vai ficar na memoria de todo os foliões que não escondiam a emoção e a alegria de estarem representando culturalmente o Município de Nanuque.

Comentar
[ajax_load_more scroll="false" transition="fade" transition_speed="600" images_loaded="true" exclude=""]

Quem somos

Localização:

Avenida Geraldo Romano, nº 135
CEP: 39860-000
Fone: (33)3621-4882

Mapa